quarta-feira, 31 de outubro de 2012

PEDRO DIAS prepara novo livro que inclui a nossa "Briosa"

Foi com imenso gosto que recebemos um e-mail de Manuel Pedro Dias, ex-companheiro de armas e consagrado autor de livros sobre a guerra em Moçambique (alguns deles já  citados no nosso Blog, até com reprodução de algumas páginas), comunicando a sua intenção de publicar mais uma obra, desta feita sobre as Companhias independentes que actuaram naquela ex-colónia, como é o caso, obviamente, da CCAV2415. Mas nada melhor que as suas próprias palavras, pelo que vamos cometer a inconfidência (autorizada...) de transcrever parcialmente o referido e-mail, chamando especial atenção ao desafio nele contido que tomamos a liberdade de sublinhar:

Meus Caros Amigos
Primeiro que tudo a apresentação: Sou Manuel Pedro Dias – autor de alguns livros sobre a Guerra do Ultramar em Moçambique, alguns já publicitados no vosso blog.
Pelo sim, pelo não, aí vai o link da minha página inserido na TW  http://ultramar.terraweb.biz/06livros_ManuelPedroDias.htm
  (...)

Posto isto e em jeito de “mensagem relâmpago” breves questões:
1.º  Para vos dizer que sou um “navegador”, mais ou menos assíduo do vosso Blog, por achá-lo de muito bom conteúdo, quer escrito, quer visual, Parabéns aos que persistem em não deixar “apagar a fogueira”. Eu sei, por experiência própria quão difícil é encontrar as tais “achas” que o Santa (?) fala para manter a “labareda  sempre incandescente”. Força!.
2.º Estou a trabalhar num novo projecto que será feito por várias fases, vamos ver se a “Kokuanice" não me ataca forte para concretizá-los. A primeira fase, já adiantada, trata-se da publicação de um livro com todas as Companhias Independentes que operaram no Niassa, para cada uma delas dedico duas páginas. Onde transcrevo breves resumos extraídos da História da Unidade, ou então algum relato, digno de ser contado, por elementos das referidas Unidades. E também algumas fotografias. 
 (...)
Em anexo envio também o que extraí da vossa história da Unidade no Arquivo Histórico Militar, (ainda não corrigi as eventuais gralhas  e pontuação). Se algum de vós se quiser habilitar a escrever algum episódio que tenha marcado a vossa 2415, será bem aceite.
 Por agora vou terminar já que me estou a contradizer, quando no inicio disse que era uma mensagem relâmpago.
Um abraço para Todos
Manuel Pedro Dias
  
É claro que o elogio ao Blog, vindo de quem vem, nos deixa contentes, embora reconhecendo o exagero simpático... Obrigado!
 E finalizamos  reproduzindo o resumo da "História da Unidade" que nos enviou e teve o trabalho de "desencantar" nas estantes poeirentas do Arquivo Histórico (ressalvamos a inexactidão do número de companheiros mortos aí referida, já que foram nove e não sete; provavelmente não foram contados os dois que pereceram no naufrágio de Mopeia).
Desejamos o maior sucesso na obra a que meteu ombros. Bem haja!

A "equipa" do BLOG                

(clique acima para ler)

Sem comentários:

Enviar um comentário