quarta-feira, 18 de abril de 2012

O AEROGRAMA

     Por: F. Santa  
                                 
O Aerograma era o nosso mensageiro de guerra, uma espécie de carta com um formato especial, como podem ver na foto. Era neste formato que nós enviávamos as nossas vivências do dia-a-dia, principalmente as que nos interessavam, pois a maior parte de nós não contava o que se passava verdadeiramente no teatro de guerra, para não alarmar quem o recebia. Nele expressávamos as nossas saudades e por vezes pequenas histórias para a família, esposas, namoradas, noivas, madrinhas de guerra e amigos. O Aerograma, não era mais que o elo de ligação (durante anos) das províncias Ultramarinas  à Metrópole. Podia-se escrever na parte de trás e também nas abas que depois se colavam entre si.
O Aerograma era gentilmente distribuído, gratuitamente, pelas senhoras do Movimento Nacional Feminino, e a ligação e transporte era oferecido pela TAP.
Quem era o M. N. F.? Muito resumidamente, eram umas senhoras muito bem vestidas, que faziam visitas aos hospitais (raramente ao mato) e que fielmente diziam algumas palavras meigas (tipo choradinho) e distribuíam, além dos aerogramas, esferográficas, isqueiros, maços de tabaco e outras bugigangas! Tudo em prol do bem-estar na guerra. Se é que havia bem-estar! Eu, por mim, e por onde passei, apreciei muito mais o papel das senhoras da Cruz Vermelha...
                        
 
Este sou eu num domingo (quando se sabia que era domingo) em Lione. Geralmente isto acontecia quando o meu pelotão não estava de serviço.
  
                         Do Santa, com um abraço.

 .


2 comentários:

  1. Olá a todos. Faltam 7 dias para terminar as inscrições para o nosso almoço. Estou triste e desolado, pois até hoje ainda só tenho inscritos o Moreira e o José R. Duarte, ao todo 6 pessoas.Sei que a vida está difícil, mas pelo menos os que estão mais perto poderiam vir. Os outros, pelo menos uma palavra amiga para explicarem a sua ausência. Pelo menos acho que merecia pelo meu trabalho, pois é preciso trabalho e gasto de dinheiro e a vida para mim também está difícil!Espero pelos últimos dias. SANTA

    ResponderEliminar
  2. tambem eu nao estarei presente com muita pena de nao abracar todos,mas nesse dia tenho uma reuniao de servico afim de me ausentar ao estrangeiro.um abracao vivaldo

    ResponderEliminar