* * * * Sábado, 20 de Maio ==> Convívio anual da "BRIOSA" 2415 em Montemor-o-Velho * * * *

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

PARA TERMINAR A SEMANA...

Para terminar a semana, voltamos novamente a António Veríssimo...

POPULAR

António dos Santos Ginguinha
Poeta e fadista popular
Declamou e cantou
Na rua do Grilo
Na taberna da Marcolina
Fadista com garra e estilo
Fez do fado, honra e sina
Levando a vida a cantar
Bebendo, a boa pinguinha

Viveu alegremente
Cantando à sua Samora
Nesses tempos de outrora
O grande fadista SAMORENSE

Junto a Deus no Altar
O ilustre Ginguinha
Repousa a cantar

GINGUINHA

O GINGUINHA é o PASSADO
É recordação no presente
Quando hoje se canta o fado
Na S. F. União Samorense

O GINGUINHA é SAUDADE
Do povo de SAMORA
VILA que o viu nascer
Com a sua simplicidade
Nas tabernas de outrora
Cantava , até ao amanhecer

Em Vila Franca, foi sepultado
O fadista da nossa PRAÇA
Hoje é memória do passado
O poeta, fadista de raça
Morreu Engripado

Hora seja prestada
ÀQUELE que no PASSADO
Em SAMORA cantou o fado.




Para todos, um bom fim de sema e boas compras para o Natal...

SANTA 






Sem comentários:

Enviar um comentário