segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

ESTÁ DIFÍCIL DE CONTINUAR...

Pois é. Está difícil de continuar. Se mais ninguém me ajudar a manter o nosso blog de pé, ele aproxima-se da morte já anunciada á tempo atras. É pena. Pois sei que camaradas nossos poderiam enviar coisas para nós e não o fazem! Por preguiça? Por desmazelo? Ou estão simplesmente nas tintas? Não sei responder. Pela minha parte, julgo ter cumprido. Agora mais não sei. Faço um apelo á malta. Não deixem que o nosso blog acabe como já aconteceu a tantos outros. Se têm fotos, enviem pelo correio as mesmas que eu tomo a responsabilidade de as enviar de volta. Sendo assim, para quem não sabe a minha direção aqui vai ela: F. Marques Santa - Rua 25 de Abril - Nº 344 - S Martinho do Bispo - 3045 - 163 - COIMBRA. Foi assim á tempo atrás, o que fez o Morgado e o Braga.
Cá fico á espera que a árvore dê frutos... Tudo isto, é como fosse um grito de revolta que ecoa por entre tudo aquilo que está escrito no nosso blog. É um alerta, um sinal de vida para que o nosso blog renasça.
Mexendo em papeis antigos, encontrei a foto que se segue. Não sei se estará já no blog ou não. A memória já falha! Na foto está o Furriel Quintino e o Furriel Miranda. Parece ser no chala...



       
                        Para todos um grande abraço. SANTA.





1 comentário:

  1. Caro Santa, Estás carregado de razão, esta tua chamada de atenção além dum grito de revolta é mais de amargura e que não merecias. É realmente triste.
    De cerca de um cento de ex-militares "amigos" e parecendo tão solidários nas memórias da "nossa guerra", sobrou um: TU, meu amigo Santa. Afinal será assim tão verdade que aquele pesadelo de cerca de 2,5 anos (1968-1970) nos "uniria" o mais possível pela vida fora?
    Deixo aqui a dúvida. O assunto até poderá ser polémico, fico ao dispor de quem entender levantar eventuais questões. Quem sabe, existirão?!
    Amigo, é do teu conhecimento o principal motivo que me afastou a tempo inteiro da contribuição para o blog que ajudei a nascer. Houve e continua a haver motivos de força maior que assim o obrigaram. Mas, o dia tem 24 horas e, assim sendo, vou tudo fazer para te ajudar no que puder. Dentro do possível dou-te a mão!
    Até acredito que a maioria do nosso pessoal que leia as nossas palavras se esconda para dentro dizendo: Éh pá, mas eu já disse tudo o que tinha para dizer, o que posso fazer mais?
    Digo eu, desculpas de mau pagador! Como tu dizes, e bem, toda a gente tem á cabeça cheia de memórias, não é? A gente até nota isso quando nos encontramos nos almoços, e não só, aí toda a gente, sem excepção, conta e reconta e volta a recontar as milhentas histórias/factos lá passadas.
    Porque não as divulgam a ti, conforme aconselhas no teu artigo?
    Por carta, por sms, por telefone fixo, por telemóvel, por tablet, por app, por etc. por etc. por etc. elas vão direitinhas parar a Coimbra e sem possibilidade de extravios!!
    Amigo, até breve, vou fazer tudo o que puder, para o motivo que é não poderá haver dificuldades. Senão não teria valido a pena ter sido um dos "progenitores" do blog.
    PS - Quanto à foto, os ditos "furriéis" foram pra guerra ou de férias para um "resort" no Indico?

    ResponderEliminar