quinta-feira, 30 de outubro de 2014

45 ANOS DE SOFRIMENTO


 
O nosso amigo Moreira é do género antes quebrar que torcer e, talvez por isso, sentiu agora necessidade de denunciar ao mundo o drama duma vida que tem carregado como se tratasse dum pesado fardo. Vai daí, conversou comigo para aqui no blog da 2415 poder descarregar um pouco desse infortúnio que tantos incómodos, físicos e psicológicos, lhe têm causado desde o fatídico dia do rebentamento da mina, a 30 de Outubro de 1969, numa coluna de Tenente Valadim para Luatize, da qual fazia parte.
Esta data é demasiado trágica para a Companhia, pois além dos graves ferimentos no Moreira, ainda pior foram as mortes do "Peniche" e do Corado e ainda de um outro militar do Batalhão.
Mas, em traços gerais, aqui se faz um pouco da história:
Foi evacuado para Nampula mas devido à gravidade dos ferimentos logo entenderam enviá-lo para Lourenço Marques onde deu entrada no hospital civil na área reservada aos militares.
Ao chegar já vinha debaixo do efeito das drogas para atenuar a intensidade das dores e ao ser observado pelos médicos ainda se lembra de os ouvir falar, dizendo um que as hipóteses de sobrevivência eram muito poucas e que o melhor seria evacuá-lo para o Hospital Militar em Lisboa.
Ali deu entrada 2 meses depois, em Janeiro de 1970 onde permaneceu ininterruptamente durante 2 anos e, em seu entender, foi devido à grande qualidade e competência dos Serviços, principalmente dos médicos e enfermeiros que lhe dispensaram todos os cuidados e tratamentos necessários que, afinal, acabou por sobreviver.
Teve de se sujeitar a tratamentos de enorme sofrimento e a várias intervenções cirúrgicas, que não deseja nem ao seu pior inimigo mas, como costuma dizer, acabou por ser a sua fé em Deus que o ajudou a vencer aquela dura batalha.
Agora que são passados 45 anos faz questão de se mostrar com todas as mazelas que lhe ficaram agarradas ao corpo para sempre e quer deixar uma pergunta no ar que gostaria que fosse respondida: AFINAL DE QUEM FOI A CULPA?
Felizmente, que o Moreira acabou por sobreviver. É um grande amigo com H grande.
(Moreira à época em Chala)
 

 
(E agora 45 anos depois)

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Desapontado...

Desapontado, é o titulo que achei adequado... para este pequeno texto. Parece-me, que o nosso blog chegou ao fim. Já me faz lembrar os nossos políticos: promessas, promessas, mas nada! Pela parte que me toca, acho que cumpri o meu dever. Agora... agora terminei. Os das promessas que entrem! Gostaria que o nosso blog não acabasse assim. Á tanta coisa que outros podiam contar. Porque não o fazem? Preguiça? Falta de interesse? Desmazelo? Não querem mesmo? Não sei.

Da minha parte, com muita pena minha desisti. Só se houver algo de muito importante voltarei.

    Para todos os camaradas em geral, um grande abraço para todos com amizade.

                                                                                          
        Ex. Furriel SANTA

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

APARECE SEMPRE MAIS QUALQUER COISA...

Isto, da minha parte, começa a ser como um conta gotas, de vez em quando, lá cai mais uma gota! Parece ser este o caso. Depois de tantas gotas que já caíram e ainda caiu mais esta!

 Não sei quem foi o autor desta mensagem. Pode ser que alguém se lembre. Pois como já é sabido, eu fui evacuado do Hospital Militar de Lourenço Marques com rumo á Metrópole para o Hospital Militar da Estrela, mais concretamente para os anexos que eram conhecidos pelos galinheiros. Alguns meses depois fui proposto a uma Junta Médica que me deu incapaz  para continuar. Ora. Quando isto aconteceu, ainda faltava algum tempo (só fazendo as contas) para o regresso da 2415. Entretanto casei e alguém se lembrou de me enviar o que agora encontrei:



É por esta e por outras, que eu digo: é bom voltar a trás no tempo e recordar o passado!

É uma coisa pequena? Não tem interesse? Tem sempre ! E quando (neste caso) a guardamos com o sentimento de amizade de quem a mandou, tem mesmo interesse!

Para todos, mais uma vez, um grande abraço. Pode ser que ainda caia mais alguma gota!!

SANTA



segunda-feira, 13 de outubro de 2014

PARA TAPAR O VAZIO...

Aqui vai mais um poema do nosso camarada Capitão Calvinho.

                                            MEU CAMARADA COMANDO

Meu camarada Comando
Meu camarada Soldado
Fala-te um homem marcado
Com cicatrizes no corpo.
Foram essas marcas da carne
De quando era Comando
Que me rasgaram na alma
O véu da submissão,
O véu do obscurantismo,
O véu da escravidão,
Que me tapava a razão
De servo fiel do fascismo!
-- Eu era forte, irmão!
Era robusto e valente;
Eu ia sempre na frente!
Eu tive uma «cruz de guerra»...
Lá...longe da minha terra.
--Meu camarada Comando
Meu camarada Soldado:
Medita só um bocado
Na triste realidade
Do que é um homem marcado
Por lutar contra a verdade!
...-Um certo dia distante,
Na terra dos Africanos
Um jovem cheio de enganos
Rebenta a «mina» fatal.
Meu corpo jovem e forte
Andou entre a vida e a morte.
Depois:
Foi o sofrimento...o hospital,
Amputações, torturas no corpo
E na alma...Era despojo de guerra!
Mas foi o meu despertar
Da longa noite de sono;
Da longa noite de cego;
Da carne que fui para canhão!
--Meu camarada Comando
Meu camarada Soldado
Meu camarada irmão
Eu sou um homem marcado
Do tempo que fui Comando
Mas hoje apenas soldado.
Não sou melhor nem pior;
Nem sou sequer diferente
Eu sou apenas do Povo
Como fui antigamente
No tempo em que guardei gado.
Transporto no corpo o meu fardo
Dos tempos que fui Comando
Mas numa alma esclarecida
Trago mensagens de vida.
--Fala-te um mutilado
Com muitos mil a seu lado
Muitos Comandos penando
Milhares de homens sofrendo
Não queiras ser o que eu fui
Um fratricida iludido
Um Comando Comandado
Contra um Povo oprimido!


                                             Para todos um abraço. SANTA

sábado, 11 de outubro de 2014

11-10-1969

Dia de honrar o nosso

 HENRIQUE RODRIGUES

no 45º aniversário da sua morte
na guerra

 (relembre aqui e aqui)

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

A VONTADE DE CONTINUAR...

É mesmo. A vontade de continuar! E é com a vontade de continuar que dou mais uma achega ao nosso blog. Mas, não dá para mais! É com pena que vejo o nosso blog parado sabendo que á ainda tantos camaradas que têm tanto para lhe dar mas estão adormecidos !! A vida não pode parar. Não podemos ser apossados pela solidão ou pelo desinteresse. A vida tem de andar para frente com alegria e optimismo. 

A foto que se segue mostra isso mesmo. Vejam só a coboiada!!



Aqui na foto, estão pernetas e manetas!! Mas não é por isso que não se dá alegria á vida. A vida tem que ser levada a brincar. De contrário ( como se costuma dizer) morre-se mais depressa.

No passado Domingo, realizou-se em Lisboa  a "CORRIDA PELA PAZ".  Organizada pela Associação dos Deficientes das Forças Armadas e pela Liga dos Combatentes. Claro que, mais uma vez, parece não ter tido grande importância para a comunicação social. Mas já não é novidade. Deu-se início á corrida na Avenida da Liberdade, terminando em Belém junto ao monumento aos mortos da guerra do Ultramar tendo os deficientes feito praticamente os últimos quatrocentos metros . No fim, foram entregue as medalhas, seguindo-se a homenagem devida aos nossos camaradas falecidos.


O Presidente da A.D.F.A. e da Liga dos Combatentes depositando uma coroa de flores no monumento. Que os nossos camaradas descansem em PAZ.


E pronto. Por agora é tudo. Voltarei quando houver algo de interessante para o nosso blog. Esperando agora , que outros acordem e que continuem!! Eu cá fico á espera.

Até lá, um grande abraço para todos deste vosso camarada: Ex. Furriel Santa.