segunda-feira, 11 de março de 2013

APELOS

    Por:  F. Santa  


Mais uma vez, vai esta foto do monumento da 2415 em Lione.
Mas porquê? Porque, sentado em cima do emblema (à direita) e com um bastão na mão, está o nosso camarada Furriel Vale (enfermeiro). É por causa dele que escrevo estas linhas.
Disseram-me mais uma vez que anda deambulando por Lisboa como um sem-abrigo. Sendo assim, faço um apelo a todos os camaradas e amigos do nosso blog (principalmente de Lisboa) para que estejam atentos e o consigam descortinar, dando-nos depois alguma informação.
É um camarada como tantos outros a precisar de ajuda. Eu sei também, que na zona de Sintra andam mais dois camaradas nossos, mas destes não sei o nome.

Nunca se sabe se estes nossos camaradas pertencem ao GRUPO dos que, depois de terem regressado da guerra, passaram a ter problemas e  nunca tiveram apoio de ninguém! Ou porque não o procuraram ou, se procuraram, não o obtiveram daqueles que lho deveriam dar.
Tantos camaradas nossos que ao longo do tempo ninguém (os governos) quis saber deles. Foram definhando ao longo dos anos, uns ainda com o apoio das famílias e outros desprezados por elas. Por vezes pela própria mulher e filhos. Nunca lhes foram dados pelo Estado os apoios que mereciam. Ainda agora soube de um colega nosso (não da nossa Companhia) que, por causa do STRESS de guerra, chegou ao extremo: está louco. Neste caso, vale aqui o apoio total da esposa e dos filhos, porque os processos demoram anos a serem resolvidos.

Fica aqui também a minha revolta por esta razão: Os Governos terem tirado ao longo destes últimos anos (recentemente  mais ) alguns subsídios e feito cortes às instituições que estão a fazer o que ao Estado competia. O que será de todos aqueles que estão nestas instituições, se elas fecharem? A nossa associação (A.D.F.A.) tem sido uma delas e as dificuldades já se sentem. Responda quem souber.

Já agora, deixo aqui um apelo. Não fechem o Hospital Militar de Coimbra que tão bons serviços tem prestado. Tem um atendimento excepcional. É um suporte muito grande na zona centro para aqueles cuja saúde já é pouca e para alguns a mobilidade vai diminuindo. Além dos Deficientes das Forças Armadas é também a P.S.P., G.N.R., e outros. É um leque muito grande daqueles que o utilizam.


Um obrigado a todos pela atenção que prestaram a este artigo pelo que possam fazer.

             Um abraço com amizade.
 SANTA



Sem comentários:

Enviar um comentário