domingo, 20 de janeiro de 2013

A grande excursão: " a imaginação ao poder" !!!

 Por: F, Santa 
ALGUÉM SE LEMBRA?


Pois é. Mais uma vez fui ao baú das recordações e encontrei este  texto que em seguida vou transcrever. O original acima está um pouco degradado o que origina algumas linhas estarem  pouco legíveis e ao passar para o computador não terem ficado lá muito bem.
 


     EXCURSÃO ORGANIZADA PELA COMPª. 2415 
DE LIONE A LISBOA

Preço: A pronto pagamento – 2.000$00
            A Prestações ………….     2$50 (por dia)


Pontos a percorrer:
      Dia 6 – Lione – Chala – Estadia três dias com visita ao miradouro do rio e piquenique; da parte da tarde visita à cidade, os outros dias ao gosto do participante. Estadia no grande Hotel “CASA DA MARIQUINHAS”.
      Dia 9 – Chala -  Matipa – Saída de chala pelas 16h e chegada prevista a Matipa se não houver atascamentos 17h; Estadia um dia. Aí serão feitas visitas guiadas ao grande rio e às paisagens que daí se desfrutam. à noite é oferecido um jantar pelo Chefe local bem como uma sessão de Batuque. A noite é passada no hotel local.
     Dia 11 – Matipa – Vila Cabral – Saída de Matipa pelas 19h com chegada provável a Vila Cabral pelas 23h T.M.G. locais. Aí temos dormida gratuita na Pousada. No dia seguinte entraremos em luxuosos Autocarros de Turismo de Vila Cabral que nos levarão a visitar as mais belas paisagens; e alguns monumentos. Entre estes teremos alguns a focar como: Planalto, Monhé, Coelho, Bar Niassa e tradicional Café do Cinema. No dia seguinte teremos um almoço oferecido pelos nossos colegas de Vila Cabral. No dia seguinte visita ao Aeroporto com viagens de avião à borla, na parte da tarde almoço na mata florestal. Pelas 15 h no grande estádio de Vila Cabral teremos um jogo de futebol que nos é oferecido, em que se defrontarão as equipas da Laurentina e da 2M, no fim do jogo serão distribuídos gratuitamente grades de cerveja.
    Dia 13 Vila Cabral – Catur – Aqui visitaremos o famoso “MORTEIRO ELÉCTRICO”. O resto do tempo para repouso. Almoço e jantar no famoso restaurante dos Caminhos de Ferro de Moçambique.
    Dia 14 – Catur – Nacala – Aí almoço e embarque em pirogas para Lisboa.
    Dia 17 – Nacala – Lisboa – Passagem pelo golfo da Guiné com entrevistas cedidas pelos “Tubarões”.
    Dia 18 de Dezembro – de 1971 – Chegada a Lisboa sensacional; A ponte sobre o Tejo vista por baixo. Chegada a Cavalaria 7 pelas 17h onde nos será oferecido um jantar: Feijão com orelhas de porco.


NOTA: Indumentária a usar pelos excursionistas: fato verde às pintinhas. Na mala de viagem será permitido levar o morteiro 60, granadas, Bazuka e a fiel amiga G3. Desde já informamos cujos autocarros que nos levarão até Nacala serão gentilmente cedidos pelo Exmº. Comandante da Companhia de Cavalaria 2415.

   Aceitam-se inscrições na Secretaria, e estarão a cargo do nosso 1º Sargento Carvalho.

 AGÊNCIA DE TURISMO 
 LIONE CITY.

=======================
 Não sei quem foi o autor desta viagem de turismo. Fiquei sem perceber como era o regresso a Lione! Uma excursão tem ida e volta. Esta teria?

   Eram estas pequenas coisas que nos faziam esquecer certas e determinadas angústias. Era o descomprimir da situação em que nos tinham metido. Matava-se assim, um pouco a saudade dos que estavam longe.
             Não sei se a lotação esgotou e se a viagem decorreu bem.


                                                           
         Parece-me, que o nosso blog está a dar as últimas. Há uns meses atrás ainda pensei que iria arrebitar mais um pouco. Mas… Eu quero acreditar que é preguiça!! Se não é, então deve ser um pouco de desinteresse pela coisa! Da minha parte, quando o baú já não tiver nada não sei como vai ser! Espero não ser eu a ter que dar as despedidas...

Farda camuflada - peça do Museu da Guerra Colonial em Famalicão

                      Para todos um abraço do Santa
             

Sem comentários:

Enviar um comentário